Este artigo, retrata a eterna insatisfação do ser humano. Não há bem que satisfaça a